Consumo consciente: tendência ou necessidade?

consumo consciente

Moda consciente já é a nova “tendência” para a estação. Como assim? É verdade que esse ano de 2020 trouxe muitas mudanças para o mundo e para forma como vemos as coisas de um modo geral.

Acho que todos nós passamos a olhar para tudo de uma maneira diferente e isso refletiu em nossos hábitos e é claro na forma de consumir.

O termo “moda consciente” passou a ser muito mais utilizado e vem ganhando cada vez mais espaço. Afinal, é fato que a maioria das pessoas costumam comprar muito mais do que realmente precisam. Em termos de moda as pessoas ficam “presas” ao “fast fashion”, que de forma resumida e simplificada é o consumo desenfreado de itens da moda que são produzidos exatamente com esse intuito:

Feito com matéria prima barata > o cliente compra > a moda passa > essa peça é descartada > o cliente compra outra peça da moda do momento.

Se torna um ciclo vicioso.

Ah, mas qual é o problema de comprar e descartar?

Respondendo diretamente a essa pergunta, o principal problema disso é o acúmulo de lixo e gasto de recursos para que a produção atenda à demanda. Tenha em mente que o material mais usado para produzir é o plástico e esse demora mais de 150 anos para se decompor no meio ambiente. E isso é apenas um exemplo. Já é dado que consumimos além de 30% mais recursos do que a capacidade de renovação da Terra. Se as coisas não mudarem, em algum momento precisaremos de outra Terra para termos as nossas necessidades básicas (alimento, água e energia) atendidas.

E aonde entra o consumo consciente?

O consumo é o que faz o mundo capitalista girar. Se mudarmos nossa forma de consumir, afetamos a economia, a sociedade e o meio ambiente diretamente.

Como praticar o consumo consciente?

Você em algum momento se perguntou de onde vem o produto que está comprando? Do que é feito? Quem fez? Qual é o processo envolvido até aquilo chegar em uma prateleira e você comprar? O preço é justo? Preciso comprar isso?

A verdade é que a vida no geral é tão corrida que nem temos tempo de pensar em tudo isso. Você simplesmente precisa/quer comprar algo, vai até a loja e compra, é simples.

Mas você pode usar 6 perguntas como um guia para te ajudar a comprar de forma mais consciente (criadas pelo blog da Rede Asta):

 

1- Porque estou comprando?

. Somos tendenciosos a comprar por impulso. Então o melhor a fazer nesse momento é se perguntar se você precisa comprar aquilo.

 

2- O que irei comprar?

. Pesquise sobre o quer antes de comprar e encontre algo que atenda suas necessidades, tenha qualidade e durabilidade. Para que não precise trocar logo.

 

3- Como irei comprar?

. Você vai buscar suas compras de carro, transporte público, a pé ou de bicicleta? Vai parcelar ou comprar à vista? Vai usar sacolas plásticas ou ecobags? Possui recursos financeiros para pagar?

 

4- De quem irei comprar?

. Essa é uma das perguntas mais importantes e mais difíceis de se responder, pois envolve uma pesquisa além do produto. Você precisa conhecer o fabricante e nem sempre temos acesso a todas as informações. Mas tente saber como é a produção, usa mão de obra escrava ou infantil? Seus funcionários são valorizados? Polui o meio ambiente? Cria oportunidades para as comunidades próximas?

 

5- Como vou usar o que comprei?

. Saber usar o que compramos é de total importância para evitar a troca sempre que algo novo surgir no mercado e também o desperdício de dinheiro. Afinal, quantas vezes você comprou algo que ficou meses sem uso dentro do armário? Ou comprou algo de baixa qualidade (apenas pelo “precinho”) e esse produto quebrou ou perdeu sua possibilidade de uso muito rápido… Isso trás mais um ponto que é: você conserta produtos quebrados ou só troca por um novo? Evita o desperdício de energia?

 

6- Como descarto o que não uso mais?

. Tão importante quanto fazer uma boa compra, é pensar em como o item vai ser descartado e o impacto que esse descarte vai gerar. Posso doar ao invés de jogar fora? Isso pode ser usado como matéria prima para criar algo novo? Existe algum local onde posso deixar e o item será aproveitado de alguma forma?

 

Na dúvida sempre pesquise. Hoje temos essa ferramenta maravilhosa que é a internet, com todo tipo de informação à distância de um clique. 😉

 

Aqui na Blih! Brazilian Bikini, acreditamos que o consumo consciente pode ajudar e muito a minimizar o impacto no meio ambiente. Uma mudança de hábitos é preciso para contribuir na melhora e ajudar a garantir a sustentabilidade da vida na Terra.

 

#juntossomosmaisfortes

Veja aqui:

. Biquínis

. Maiôs e Bodies

. Vestuário

. Blih! Kids

Venha nos fazer uma visita:

Galeria Fórum de Ipanema – Visconde Pirajá 351, loja 103 (em parceria com a Joplins e a Soul Rio Jóias)

Botafogo Praia Shopping – 3° piso, loja 304 (ao lado da Reserva)

Plaza Shopping Niterói – 2° piso, loja 203 (em frente a Kopenhagem)

Ficou alguma dúvida? Entre em contato com uma de nossas especialistas em estilo pelo Chat (no cantinho de sua tela), por Whats! App (+55 21 99140-2222), pelo Instagram / Facebook(/blihbrazilianbikini) ou por Email (contato@blih.com.br).

Deixe um comentário